terça-feira, 12 de abril de 2016

AGORA


Eu lutei e como lutei para não ceder
Agora luto e como luto pra não te perder
Por que eu tinha que me entregar a esse amor
Que agora é toda a minha vida
Por que de você não consigo esquecer
Não sei mais como brigar, eu só queria não te amar
E nem sofrer tanto, mas você e seu encanto
Não vou mais pensar para não enlouquecer
Mas por que você não é do jeito que imaginei
E também se não for
Não me faz mal não, agora eu vou deixar rolar.
Fabrício Colombo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário