segunda-feira, 25 de abril de 2016

DO FUNDO DO MEU CORAÇÃO

Doce loucura cometida
No meio da avenida
Em pleno céu azul
Ao reluzir do sol
Vi o teu olhar brilhar
Ao me ver cantar
Pra você a canção
Do fundo do meu coração
Na mais pura sinceridade
E naquela simplicidade
A você me declarei
Num grito que ecoou pelo ar
Para todos ouvirem
Ah! O teu sorriso
Vitória comemoro
Do fundo do meu coração
Te abracei
E um beijo ganhei
Em plena rua
Ao entrar da lua
Por esse amor me curvei
Do fundo do meu coração.
Fabrício Colombo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário