terça-feira, 31 de maio de 2016

ÚLTIMO SUSPIRO

Eu não sei quando vai ser
Meu último suspiro
Se vai ser hoje, amanhã ou depois
Eu sei que virá
Nem se quer vai avisar
Simplesmente vai chegar
Inevitavelmente
Sem ao menos me deixar saber
Se meu último suspiro
Vai ser de dor
Ou de amor!

Fabrício Colombo

Nenhum comentário:

Postar um comentário