terça-feira, 7 de junho de 2016

OS BENEFÍCIOS DOS PROFESSORES

A última do governo do Estado do Rio Grande do Sul para tentar amenizar ou equilibrar suas contas é retirar os benefícios dos funcionários públicos. Vou me referir especificamente a minha categoria, que é a dos professores. Aí eu me faço a seguinte pergunta: Que beneficio eu recebo para que o governo manifeste sua intenção de não pagar mais.
Vejamos. Até onde minha ignorância alcança, professor não recebe verba de gabinete, que seria uma boa para podermos tirar cópias para realização de trabalhos, provas e materiais didáticos diversos; mas infelizmente não recebemos este beneficio. Pelo que me consta também não recebemos vale combustível, nem carro oficial a nossa disposição para deslocarmos de uma escola para outra; alias tem professor que dá aula até às 10h em uma escola e 10h20min já tem que estar em outra. Se o tele transporte já tivesse sido inventado, poderíamos requerer este beneficio. Também não recebemos vale paletó ou vale vestido para nos vestirmos adequadamente com a nossa profissão. Outro beneficio, que com certeza não temos é auxílio moradia.
Portanto, que beneficio o Governo quer nos tirar? O piso nacional? Nunca pagou. O salário no final do mês? Tá parcelado há muito tempo. O décimo terceiro? O de 2015 ainda não recebi. Recusei-me a fazer empréstimo de algo que é um direito. As condições de trabalho? Não temos. Ah! Deve ser as licenças prêmios que ninguém recebe. Opa, se não recebemos; também não é. Afinal de contas, que benefícios os professores recebem que o governo quer nos tirar. Ou será que querem nos tirar o que ainda resta de dignidade?

Fabrício Colombo

Nenhum comentário:

Postar um comentário